Ferida Aberta

Imagem

Devolva minh’alma
Apague esta cicatriz
Enquanto perco a calma
Torno-me, da vida, atriz
 
Teu cínico olhar
Persegue meu sono
E ao despertar
Estou no abandono

Viver ou morrer
Não é mais a questão
Tu tornaste a dor
Minha única opção

 

 

Advertisements

A Trilha Sombria

Imagem

Caminho pela mata escura
Mais e mais eu a adentro
Sinto uma energia obscura
Da magia negra, um encantamento

Admiro a luz da lua
Em meio a tanta escuridão
Sinto que me guia, me cura
Do além, fascinante conexão

Respiro o ar frio e puro
Como se fosse me purificar
Mas minh’alma em apuro
As trevas jamais vai abandonar